leah pipes brasil
- leahpipesbrasil.com -

O site oficial do People’s Choice Awards liberou a lista de pré-indicados para a próxima edição da premiação (em 2017), para os fãs começarem a votar nos seus cinco filmes, atores, atrizes e séries de TV favoritos.

A série The Originals foi indicada a categoria de Favorite Network Sci-Fi/Fantasy TV Show.

Leah Pipes não foi indicada a categoria ‘Favorite Sci-Fi/Fantasy TV Actress’ para ter a chance de se tornar uma das 5 cinco atrizes favoritas indicadas, porém, nada é impossível! O nome de Leah não está na lista das 15 atrizes que estão concorrendo mas nós podemos indicá-la e tentar fazê-la passar para a próxima fase da votação!

Quer saber como? Entre na categoria FAVORITE SCI-FI/FANTASY TV ACTRESS (clique aqui) e você verá a lista de atrizes que estão concorrendo. Sem problemas! Role a página para baixo e você verá no canto esquerdo um espaço escrito “DON’T SEE YOUR FAVORITE? WRITE IN YOUR OWN.”, clique neste espaço e digite o nome da ‘Leah Pipes‘, e para finalizar, clique no espaço roxo no canto direito escrito “CAST VOTES”, assim confirmando seu voto!

Você pode votar várias vezes por dia até o dia 04 de novembro!

Labels: Camille O'Connell, Leah Pipes, The Originals

O PERFORMER  | Leah Pipes

O SHOW  | The Originals

O EPISÓDIO | 29 de abril de 2016

O DESEMPENHO |  A partir do momento em que Camille O’Connell apareceu pela primeira vez na 4 ª temporada de The Vampire Diaries para o momento em que ela se despediu no episódio dessa sexta feira 29 de abril de The Originals , ela nunca parou de olhar para o seu propósito – e, idealmente, ser ela mesma no processo. De fato, durante a sua transformação de três temporadas de bartender para psicóloga para vampira, a única constante foi o comprometimento de Pipes para o papel subestimado.

Mas ela nunca o fez com inseguranças sua personagem. Apesar de seu lado escuro, Pipes sempre infundiu Cami com um senso de otimismo que só fez sua morte prematura ainda mais devastadora.

Bem, isso e execução do assassinato de Pipes – por assim dizer – de suas cenas finais com Joseph Morgan. Todas as fases da morte de Cami eram insuportáveis, e Pipes vendeu o inferno fora delas, de sua força inicial ( “Eu fiz minha paz com a morte”) para sua eventual desagregação ( “Eu queria ser corajosa”). E nem sequer um bom começo em seu “Talvez isso é apenas como você sabe que você ama alguém”, falado com Klaus. Muito parecido com Cami depois de receber a mordida fatal de Lucien, os nossos canais lacrimais nunca tiveram uma chance esta semana.

Claro, a outra tragédia do episódio foi que nos foi dado um vislumbre do que poderia ter sido, mas em última análise, nunca seria, entre Cami e Klaus. Com seus personagens finalmente dispostos a deixar cair todas as pretensões, a química Pipes e Morgan – anteriormente inibida pela incapacidade de Klaus e Cami de fazer sentido no que eles tinham – chegou a brilhar durante vários minutos gloriosos.

Nós podemos nunca saber o potencial de Cami como um personagem, mas como Niklaus disse, vamos transportar o desempenho de Pipes com a gente por um longo tempo bom.

Matéria original aqui.

Matéria traduzida e adaptada pela equipe LPBR, não reproduza sem créditos.

Labels: Camille O'Connell, Leah Pipes, The Originals

Alerta de spoiler: Este post contém pontos da trama do episódio do dia 29 de abril de The Originals.

Depois de um tempo tentando encontrar uma maneira de salvar a vida dela, Os Originais perderam sua amada Cami. Durante três temporadas, Cami tem sido o ser humano, psicóloga, bartender, amiga, interesse amoroso, nova vampira, e muito mais. E agora, Klaus perdeu a mulher que amava.

Foi uma hora emocional para todos os envolvidos, o EW falou com Leah Pipes sobre a despedida de Cami, a última cena que ela filmou, e o que vem por aí para ela.

EW: Quando você soube que season 3 seria a sua última?

LP: Eu, felizmente, tenho realmente um grande diálogo aberto com os produtores executivos, mas especialmente Michael Narducci, então no início da temporada, ele foi muito aberto comigo sobre o enredo de Cami, que potencialmente terminaria em morte, mas ele prometeu que seria uma boa morte. Muitas vezes, é estranhamente melhor morrer do que ficar por aqui e não fazer nada em um programa de televisão, de modo a evitar-me a ser preso em um show e não fazer nada, ele me deu realmente um grande enredo, realmente um grande arco, e realmente uma grande morte.

EW: Quando falei com Narducci, ambos concordamos que realmente sentimos que Cami deixa um legado nesta série.

LP: Bem, eu espero que sim. Eu não me levei a ler quaisquer dos “scripts” (roteiros) após a morte de Cami, então eu vou apenas assisti-los com os telespectadores.

EW: Você esta satisfeita com a forma como ela saiu? Não é sempre que um personagem recebe um adeus tão longo nesta série.

LP: Sim, foi definitivamente demorado. Eu chorei durante toda a mesa de leitura incontrolavelmente. [Risos] Eu estava tentando mantê-lo em segredo, mas eu realmente não podia. Foi catártico para mim porque eu também estava me despedindo de Cami, que tem sido uma grande parte da minha vida por três anos, e eu nunca irei atuá-la novamente. Estou ficando emotiva só de pensar nisso, mas se eu tivesse uma escolha entre deixar um legado ou deixar este personagem esquecido, eu escolheria, obviamente sair, e me sinto grata que eu tenha tido isso.

EW: Você teve que fazer muito neste episódio. Será que você tem uma parte favorita de sua morte?

LP: Minha parte favorita desse episódio, curiosamente, era fechar os olhos e ouvir o adeus de todos, porque eles eram meus amigos e é tão raro que você apenas fecha seus olhos e começar a ouvir os seus colegas a atuar. Meu adeus favorito foi de Phoebe [Tonkin]. Só me lembro de fechar os olhos e ouvi-la e pensando, ‘Uau, que performance incrível ‘, e quão sortudo eu fui de ter um querida amiga e uma atriz maravilhosa para trabalhar pelos últimos três anos. Foi difícil para mim não começar a chorar enquanto morta. [Risos]

EW: O última grande arco de Cami na série foi ela se tornar uma vampira, então, obviamente, os escritores sentiram que era importante para ela passar por isso antes de morrer. O que você pensa que ser um vampiro lhe ensinou?

LP: Eu acho que a ensinou como talvez não julgar um livro pela capa, por falta de uma palavra melhor. Eu não sei se essa é a terminologia correta, mas ela esperava tanto de Klaus e ela pensou que era tão fácil para ele como era para ela, mas, em seguida, depois de se tornar um vampira, eu acho que ela viu o mundo de seus olhos e percebeu o quão difícil é para conter a sua escuridão, especialmente quando você se transforma em uma criatura da noite. Quando ela tornou-se isso, ela podia entendê-lo de uma forma que ela não podia antes e esperamos que, através de sua compreensão, ele se permitiu a compreender a si mesmo, porque é isso que a série é, realmente, é Klaus compreendendo a si mesmo e talvez um dia redimir a si mesmo e talvez um dia se transformar em um herói em vez de um vilão.

EW: Você tem uma história favorita da Cami de todas as três temporadas?

LP: Eu amei tantas de suas histórias. Se eu tivesse que escolher uma, seria sua história com seu tio. Eu realmente gostei de trabalhar com Todd Stashwick e eu sinto falta de Cami apenas ser a humana ingênua às vezes, com seu longo cabelo e seus vestidos flowy, e realmente começando a desempenhar aquela menina de olhos arregalados, inocente. E, em seguida, ao longo dos anos, ela se tornou um pouco mais difícil e um pouco menos ignorantemente otimista. Eu sinto falta de seu otimismo da 1ª temporada.

EW: Qual foi a última cena que você filmou?

LP: A última cena que filmei foi a cena em que Lucien me morde, então isso foi com Andy Lees em meu quarto, o que eu pensei que era muito apropriado para dizer adeus ao quarto de Cami, um lugar onde eu tive a minha cena favorita toda a série, cena de amor de Marcel-Cami. [Risos] Eu só fiz uma vez! Eu continuei pedindo novamente, mas eles só deixaram fazê-la uma vez.

EW: Essa é a única onde você teve problemas por se deixar levar, não é?

LP: Isto é. É difícil não se deixar levar a Charles Michael Davis. Eu desafio qualquer mulher a resistir. [Risos]

EW: O que vem por aí para você?

LP: Bem, quando Deus fecha uma porta, esperançosamente ele abre uma janela. E esperançosamente essa janela é tipo um programa de televisão da Shonda Rhimes. [Risos] Shonda, estou desempregada e eu estou esperando por você!

Matéria Original aqui.

 

Matéria traduzida e adaptada pela equipe LPBR, não reproduza sem os devidos créditos.
Labels: Camille O'Connell, Leah Pipes, Spoiler, The Originals

DETALHES DA TERCEIRA TEMPORADA!

O episódio passado (3×16) mostrou o início de um melhor relacionamento entre a dupla Klaus e Hayley. O produtor executivo da série, Michael Narducci, disse ao “TVLine” que os dois personagens estão agora juntos devido a objetivos e estratégias comuns. A principal preocupação de ambos é manter sua filha “Hope” em segurança e ficarem um passo à frente das pessoas que sabem que podem matar Klaus sem repercussões negativas em si mesmos.

Narducci sabe que os conflitos anteriores entre Klaus e Hayley têm sido “duro de assistir”, mas que isso só deve fazer o caminho deles para reconciliação ainda mais agradável.

“Nós estamos colocando estes dois personagens juntos [Klaus e Hayley) em um lugar onde eles estão permitidos a se recuperar um pouco,” Narducci explica, “Nós vamos vê-los usar o humor e discussões racionais, ao contrário de gritos, para expressar suas opiniões, de certa forma, é como assistir a um casal – ou talvez um casal divorciado – discutindo sobre como querem lidar com questões familiares, como cuidados infantis e o que é melhor para sua família.”

Vocês acham que Klaus e Hayley se tornarão apenas bons parceiros ou que essa reconciliação complicará a relação entre Klaus e Cami?

Mas claramente, Hayley e Hope não são as únicas mulheres na vida de Klaus. Fora sua separação desonesta de Klaus (pois vimos que ela o ama sim), Cami estará ocupada planejando, pelo o que Narducci diz, seu “confronto inevitável” com Aurora (atriz convidada, Rebecca Breeds).

“Como Cami irá possivelmente sobreviver a isso?” ele reconhece. “Ela (Cami) está sendo levada para o próximo nível como uma vampira, um lugar perigoso, ao invés de ser apenas alguém que está tentando sobreviver,” Narducci disse, “Ela tem o legado dos O’Connell, e ela tem todos esses objetos negros que seus antepassados coletaram, e agora ela vai fazer uso deles.”

Quanto à vida amorosa de Cami, Narducci diz:

“Eu não acho que há um mundo onde Cami vá deixar Klaus partir completamente de sua vida. Embora ela tenha muitas coisas para fazer, com que lutar e descobrir, mas ela sabe que tem fortes sentimentos por Klaus.”

Cami terá seu confronto inevitável e finalmente se vingará de Aurora? Esperamos que sim.

E para qual casal vai a sua torcida? Até o final da temporada veremos como as relações entre Cami e Klaus e Klaus e Hayley irão se desenvolver.

Estamos ansiosos e você?

Matéria original aqui.

Matéria traduzida pela equipe do Leah Pipes Brasil, por favor não reproduza sem os devidos créditos.

Labels: Camille O'Connell, Klamille, The Originals

“Na sequência de um encontro violento que deixou a vida de Cami (Leah Pipes) pendurada na balança, Klaus (Joseph Morgan) é forçado a confiar em sua família e aliados para encontrar uma cura, enquanto ele mantém um olhar atento sobre Cami no complexo. Com o tempo se esgotando, Freya (Riley Voelkel) se volta para seu arsenal de feitiços, enquanto Vincent (Yusuf Gatewood) e Marcel (Charles Michael Davis) se dirigem ao apartamento de Cami para recolher um ingrediente crucial. Em outro lugar, Hayley (Phoebe Tonkin) e Elijah (Daniel Gillies) viajam para o “bayou” na esperança de trazer de volta um antídoto potencial que poderia salvar a vida de Cami. Finalmente, Davina (Danielle Campbell) confronta Lucien (ator convidado, Andrew Lees) e descobre algumas informações devastadoras que irá mudar seu futuro com Kol (ator convidado, Nathaniel Buzolic) para sempre.”

Episódio dirigido por Millicent Shelton e escrito por Celeste Vasquez e Michael Narducci. Irá ao ar dia 29 de abril.

Com a sinopse acima do episódio 19 desta terceira temporada, os rumores da morte de Cami se tornaram ainda mais fortes. Vocês acreditam que a nossa amada Camille O’Connell irá morrer? Esperamos que não! Vamos ver o que nos espera nos próximos episódios.

Sinopse traduzida pela equipe do Leah Pipes Brasil, por favor não reproduza sem os devidos créditos.

Labels: Camille O'Connell, Leah Pipes

Diane Ademu-John (@junkyardmessiah), escritora de The Originals, respondeu à algumas perguntas dos fãs da série no dia 27/02/2016, contendo algumas perguntas e respostas sobre a nossa personagem favorita, Camille O’Connell. E nós da equipe do LPBR, iremos traduzir as perguntas dos fãs e respostas de Diane, a seguir:

@LarkinBelle: “Não é engraçado que cada vampiro chegando em New Orleans sabe de alguma maneira sobre Camille, exceto Stefan? Como é isso?

@junkyardmessiah: Stefan tem seus próprios problemas, incluindo morrer. Conversar sobre Cami não estava em sua lista de “eu preciso saber.”

@QueenxOce: “Mas eu tenho uma pergunta, por que Klaus não falou de Cami para Stefan? Há uma razão?

@junkyardmessiah: Porque Stefan estava tentando sobreviver à uma Caçadora e a morte pelo fim da linhagem. Cami não tem nada a fazer com nenhuma de suas preocupações.”

@ChadandAbby: “Cami vai fazer parte do assunto principal do resto da temporada? Eu odiaria vê-la ser colocada de lado como na 2 temporada.

@junkyardmessiah: Cami tem sido uma grande parte da temporada até agora. Ela não é a nossa série inteira.”

@lucymakeer: “Quaisquer momentos Klaus e Cami vindo por aí?

@junkyardmessiah: Oh sim.”

@hauntingroden: “Cortez e Cami irão interagir? Nós devemos ficar preocupados?

@junkyardmessiah: Sim. Sempre fiquem preocupados.”

@Fragile_Fighter: “Cami ainda está irritada com Lucien por raptá-la (o que a levou a ser transformada), ou ela tem problemas maiores do que ele?

@junkyardmessiah: Ele está definitivamente em sua lista negra ainda.”

Essas foram as perguntas respondidas por Diane, envolvendo nossa Cami. O que acharam?

Labels: Camille O'Connell, The Originals